sexta-feira, 24 de janeiro de 2014

Chips 3G em Viagens Internacionais

Chip 3g em Viagens internacionais
Nas viagens para o exterior, existe uma aspecto que pode tornar-se um pé no s*** e um rombo no bolso: a comunicação. Mesmo que você não tenha ninguém pra quem gostaria de dizer que está vivo lá do outro lado do planeta, pode ser que simplesmente precise resolver alguma coisa e o seu hotel só tenha WI-FI a preços exorbitantes ou nem isso. Pacotes de Roaming internacional são um assalto de tão caros. Há um tempo atrás, era comum que as pessoas alugassem aparelhos de Nextel a preços salgados para solucionar essa questão. Talvez você ainda faça isso, mas existe um jeito bem mais interessante: A COMPRA DE CHIPS PRÉ-PAGOS DE INTERNET, NO PAÍS DE DESTINO.
 Você leva seu aparelho e coloca o chip comprado lá, fica conectado com 3G todo o tempo e não passa aperto – Tudo por preços módicos, como 26 pesos por até 10 dias, na Argentina, por exemplo, o que não daria nem 10 reais.
 Temos visto as pessoas fazendo isso por toda parte, de Buenos Aires ao Laos, e as únicas dificuldades parecem ser o tamanho do chip e o fato de ficar sem o seu número ativo para chamadas durante esse período. O famoso e querido WhatsApp funciona perfeitamente, assim como o Skype e o Facetime. Os aparelhos mais novos usam o chip nano e pode ser que você só encontre outros tamanhos. Aqui está o pulo do gato: compre um alicate próprio pra cortar isso! Pra evitar aquela agonia de recortar com tesoura, rezando pra estar do tamanho correto, leve o seu cortador com adaptadores pra nano e micro (existe até para iPAD). São vendidos na internet por uma média de 30 reais. Além de tudo, seu smartphone pode ser usado como GPS, ou seja, você nunca estará perdido e poderá usar o Google Maps e o Foursquare para localizar atrações e restaurantes onde estiver.

Comente com o Facebook: